Assuntos

Agendas Anuais

Pense numa forma prática e gostosa de conhecer, a cada dia do ano, pelo menos uma história de luta do povo. Imagine uma publicação com linguagem direta, imagens e informações preciosas, capaz de expressar, através de pequenas notas, a coragem e a força de índios, negros, camponeses, trabalhadores e mulheres do nosso continente. Assim é a belíssima agenda que o Núcleo Piratininga de Comunicação preparou para vocês.

__________________________________

# Agenda NPC 2017

agenda npc 2017

     Para 2017, o NPC preparou uma edição sobre Mulheres de luta. A cada página, são apresentadas lutadoras que sonharam com a construção de uma sociedade justa e solidária e batalharam por isso nos mais variados espaços: no campo, nas fábricas, nas manifestações de rua, na guerrilha, nos sindicatos, nas salas de aula, na ciência, na produção intelectual e muitas outras formas mobilização.
A cada dia, são lembradas operárias, comunistas, escravizadas, camponesas, estudantes, feministas, anarquistas, professoras e tantas outras mulheres de luta. Flora Tristan, Frida Kahlo, Mercedes Sosa, Ana Montenegro, Clara Zetkin, Patrícia Galvão (Pagu), Laura Brandão, Dona Penha, Violeta Parra, Clarice Lispector, Letícia Sabatela, Dandara dos Palmares são alguns nomes recuperados. Também são lembradas as tantas mulheres que resistiram à ditadura brasileira, muitas chegando a participar diretamente da guerrilha do Araguaia. Para a abertura dos meses, foram convidadas escritoras e militantes de diversas áreas para apresentar uma forma de luta específica.

 

# Agenda NPC 2016

Agenda NPC Lutadores e Lutadoras 2016 Capa.indd

     Você já ouviu falar em Dandara, Nísia Floresta, Chico Prego, Santo Dias e Tião Carpinteiro? Sabe quem foi Silva Jardim, Pagu, José Porfírio e Ana Rosa Kucinski? Esses são alguns dos nomes de brasileiros e de brasileiras que sonharam e ousaram lutar por um país melhor para a maioria.
    Contar algumas dessas trajetórias é um dos objetivos do Livro-Agenda do NPC de 2016, que neste ano tem como tema “Personagens das histórias de luta do Brasil” dos séculos XIX, XX e XXI. São homens, mulheres, negros, negras, indígenas, camponeses, estudantes, operários e outros lutadores, resgatados a cada dia para que não caiam no esquecimento e para que sirvam de inspiração nas lutas atuais.
     Nessa edição também prestamos uma homenagem ao lutador Vito Giannotti, idealizador e criador do NPC junto com sua companheira Claudia Santiago. Ele faleceu em julho de 2015, mas acompanhou quase todo o processo de produção da agenda. Quem acompanha a comunicação sindical e popular no Rio e no Brasil inteiro sabe como Vito Giannotti é uma referência na área, e procuramos fazer alguns registros dessa luta de uma vida inteira.

 

# Agenda NPC 2015

2015

   O Núcleo Piratininga de Comunicação (NPC) há vinte anos contribui para a criação e a melhoria da COMUNICAÇÃO DOS TRABALHADORES NO BRASIL.
   Para reforçar essa ideia, preparou para 2015 uma agenda temática sobre A comunicação dia a dia, partindo da ideia de que tal ferramenta é estratégica para a construção de outra sociedade: justa, fraterna, igualitária, com justiça social e respeito às diferenças.
   Conforme o tempo passa, e principalmente neste ano eleitoral de 2014, a convicção de que os trabalhadores precisam construir seus próprios instrumentos de informação se tornou mais evidente frente à campanha dos meios tradicionais em defesa de valores conservadores e reacionários.

 

 

# Agenda NPC 2014

2014

   A AGENDA 2014 apresenta lutas e revoluções populares na América Latina nos séculos 19, 20 e 21. Produzida pelo NPC, essa publicação resgata as dores e alegrias do povo que constrói a História da nação latino-americana.
   Fruto de uma intensa pesquisa feita a muitas mãos e coordenada pelo NPC, este trabalho mostra para o leitor o quanto o povo da América Latina foi expropriado, mas também como mulheres e homens da imensa nação latino-americana reagiram.
   Na AGENDA NPC 2014, a cada dia está o relato das lutas dos povos da Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Colômbia, Cuba, Equador, El Salvador, Guatemala, Haiti, Honduras, México, Nicarágua, Panamá, Paraguai, Peru, Porto Rico, República Dominicana, Uruguai e outros. Além das notícias diárias, na abertura de cada mês a AGENDA NPC 2014 apresenta textos sobre acontecimentos que marcaram a nosso continente, como a Revolução Cubana, a Insurreição do Haiti, e sobre os Zapatistas, as Mães da Praça de Maio, os Tupamaros e a resistência à ditadura uruguaia, as Jornadas de Junho do Brasil e outros movimentos.

 

# Agenda NPC 2013

2013 em título

   A Agenda NPC de 2013 apresenta um grande número de revoltas, motins, insurreições e revoluções que o nosso povo fez ao longo de sua história. O objetivo é combater a visão difundida e reforçada diariamente de que “brasileiro é bonzinho”, pacífico, e não briga e nem luta por seus direitos. A cada dia são apresentadas doses homeopáticas das várias mobilizações, levantes e ações ocorridas no Brasil inteiro, desde o século 19 até os dias atuais.
   Além dessas notas curtas, na abertura de cada mês há textos sobre diversos acontecimentos, como a Cabanagem, a Insurreição dos Malês, a Revolta da Chibata, as Ligas Camponesas, o Abril Vermelho do MST, o Comício da Central do Brasil, a Passeata dos 100 Mil, o Contestado, Manoel Congo, a Revolta da Vacina e inúmeras greves que tivemos em nossa história. Esses artigos foram escritos por pesquisadores, jornalistas, sindicalistas e militantes convidados pelo NPC.

 

# Agenda NPC 2012

2012 em título

   O tema da Agenda do NPC de 2012 é a Comunicação dia a dia. Este é um dos assuntos fundamentais trabalhados pelo Núcleo Piratininga de Comunicação, entidade que há 17 anos vem defendendo a centralidade da mídia na disputa diária de hegemonia e na construção de uma sociedade outra: igualitária, socialista, de e para todos.
   Todos os dias são apresentadas duas ou mais notícias relacionadas ao tema principal. Há, por exemplo, registro de lançamentos de jornais, livros, cartilhas, revistas e programas de rádio ou TV que tenham contribuído para uma maior circulação das ideias da esquerda em todo o Brasil. Também são noticiados comícios, manifestações e protestos organizados para defender a democratização do acesso e da produção de informações.

 

# Agenda NPC 2011

2011 em título

   Mulheres Na História é o tema da agenda 2011 do NPC, que recupera a vida e a luta de milhares de mulheres no Brasil e no mundo. São jornalistas, professoras, artistas, sufragistas, guerrilheiras, poetas, sindicalistas, frentenegrinas, enfermeiras, defensoras de direitos humanos, da moradia.
   Na abertura de cada mês há um texto sobre uma mulher com história de vida marcante. Dentre as homenageadas, Márcia Jacintho, mãe que luta contra a violência policial, e Edma Valadão, enfermeira assassinada juntamente com seu marido por denunciar irregularidades no sistema Cofen.
   Em cada dia do ano, há notas informativas e fotos sobre a atuação destas centenas de mulheres em várias áreas. A capa é da artista gráfica pernambucana Andréa Aguiar e tem fotos de João Roberto Ripper e Claudia Santiago. O projeto gráfico é de Daniel Costa.

 

# Agenda NPC 2010

2010 em título

   O tema da agenda do NPC de 2010 é Lutas dos Trabalhadores no Brasil no século XX. Ela contém mais de 800 notícias da história dos movimentos da esquerda brasileira, como greves, assembleias, congressos, passeatas, manifestações, criação de jornais e revistas, lançamentos de livros, etc.
   Essas notícias vêm indicadas, cada uma, no dia, mês e ano em que ocorreram. São fatos, dados, acontecimentos que, no seu conjunto, apresentam uma visão rápida da nossa história.
O principal objetivo da Agenda do NPC é incentivar a estudar mais e a saber mais para, assim, conhecer melhor a história do país para dela tirar lições positivas ou negativas. Ao mesmo tempo, cumpre um importante papel de preservação da nossa memória.